Ciro aposta em segundo turno contra Alckmin

Na cabeça do grupo político de Ciro e Cid Gomes, prevalece a seguinte equação: dificilmente Lula conseguirá se manter como candidato a presidente. Portanto, lançará um petista de expressão limitada. Noutra ponta, Jair Bolsonaro tende a minguar no decorrer da campanha. Sendo assim, Ciro vai para o segundo turno contra o candidato de centro direita. No caso, o tucano Geraldo Alckmin.

No segundo turno, as diversas forças se aglutinam de acordo com suas propensões e interesses, formando-se uma aliança de centro-esquerda, com apoio de Lula, e outra de centro-direita, com as forças que bancaram as reformas dos últimos anos.

Por Fábio Campos, no Focus.jor

As mais lidas da semana