SIGA NOSSOS CANAIS

DELEGADO TITULAR DA DRF É EXONERADO



O delegado Raphael Vilarinho, que estava à frente da Delegacia de Roubos e Furtos (DRF) há quatro anos, foi exonerado do cargo. Segundo uma fonte da Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), que não quis ser identificada, o próprio Vilarinho pediu para sair da Especializada por considerar que já está há muito tempo em um trabalho que considerou "desgastante e exaustivo".

 A fonte revelou, ainda, que o delegado disse estar sendo pressionado por familiares para deixar o cargo, principalmente em razão da ocorrência do dia 11 de julho, em que foi alvejado durante uma troca de tiros com uma quadrilha que pretendia roubar malotes de uma casa lotérica, instalada dentro de um supermercado, na Avenida Cônego de Castro. Vilarinho precisou ser submetido a uma cirurgia para a retirada de um projétil na coxa.

 Redução 
 Os números de ataques a banco caíram progressivamente, nos últimos quatro anos. Em 2017, a redução já chega a quase 20%, em relação ao ano passado. De 2013 até agora, mais de 600 pessoas foram presas pela DRF e o índice de apreensão de armas de grosso calibre subiu 400%. 

A reportagem tentou contato com Raphael Vilarinho, mas as ligações não foram atendidas. Mensagens foram enviadas por uma rede social, mas até o fechamento desta edição não tinham sido respondidas por ele.