SIGA NOSSOS CANAIS

Goleiro Wallace, do Guarani, morre aos 22 anos


O goleiro Wallace, reserva do Guarani no Campeonato Paulista da Série A2, foi mais uma vítima das estradas brasileiras. Na tarde do último sábado, o atleta de 22 anos morreu em um acidente de veículos na Rodovia dos Bandeirantes, próximo à cidade de Limeira. 

O veículo de Wallace capotou perto das 14 horas. Meia hora depois, um helicóptero da Polícia Militar chegou ao local, mas o goleiro já estava morto. O irmão dele, que também estava no veículo, foi socorrido com vida. Ambos estavam indo visitar parentes em Ribeirão Preto. 

A diretoria do Guarani está tomando as primeiras providências para dar completa assistência à família, que mora em Salvador. Nascido em Salvador em 1.º de outubro de 1995, Wallace Ribeiro Barato chegou ao Brinco de Ouro no final de 2017, emprestado pelo Vitória e indicado por Vagner Mancini, treinador do clube baiano. Jovem, de 22 anos, vinha se destacando nos treinamentos e era o reserva imediato do titular Bruno Brígido. 

Segundo Mancini, Wallace era um goleiro acima da média e seu empréstimo ao Guarani somente aconteceu após a prorrogação de seu contrato com o time baiano. No planejamento do Vitória, o atleta estava sendo preparado para ser o goleiro titular no futuro. “O Guarani Futebol Clube lamenta profundamente o ocorrido e coloca-se inteiramente à disposição dos familiares e amigos. Não existem palavras para expressar o que estamos sentindo. 

Deus haverá de trazer o conforto”, afirmou o presidente Palmeron Mendes Filho, em nota. Estadão

Destaques da Semana