SIGA NOSSOS CANAIS

HOMICÍDIO EM CAMOCIM

Após passar 116 dias sem registrar crimes de morte, o município de Camocim voltou a registrar um homicídio durante a manhã desta terça-feira, 09. A vítima foi identificada como Antonio Carlos de Oliveira Albino, de 23 anos, residente no bairro da Olinda. Esse homicídio foi o primeiro do ano de 2018.

O último homicídio em nosso município foi registrado no dia 14 de setembro em um estabelecimento comercial localizado às margens da CE-085, na localidade de Pesqueiro, próximo ao “Zé Cajueiro”, zona rural de Camocim.


Homicídio bárbaro

Era por volta das 11h25 quando uma denúncia feita ao 190 informava que um homem havia sido morto barbaramente e com requintes de crueldade em uma residência na Rua Olinda 2, bairro Olinda, já chegando na estrada de Piçarra que leva aos Quilômetros. Uma equipe do Ronda foi imediatamente ao local e lá encontrou o corpo da vítima com grandes golpes provavelmente de facão. As lesões produziram imagens fortíssimas, golpes de facão na altura da cabeça, pescoço,mandíbula e outras partes o corpo.
Populares relataram para os pm's que por volta das 07h da manhã de hoje ainda viram ele na esquina da Rua Olinda 2 com estrada de piçarra que leva aos quilômetros.


Ligação com drogas

De acordo com as informações enviadas pela polícia ao Camocim Polícia 24h, Carlos tinha envolvimento com o submundo das drogas, inclusive já responde (ou respondeu) por um crime de tráfico de drogas. Há dias atrás, em uma abordagem, o indivíduo teria confessado aos pm's que no dia 22 de julho de 2017 sofreu um atentado na cidade de Acaraú. Na ocasião um elemento conhecido como Luan disparou algumas vezes contra Carlos, sendo que apenas um disparo atingiu a perna da vítima. Carlos ainda teria confessado que estaria jurado de mortes por seus desafetos.


Motivação

Pela própria confissão da vítima há dias atrás, a polícia acha que o homicídio está ligado a dívidas de drogas ou ainda a acerto de contas. No local impera a lei do silêncio, ninguém viu nada, ninguém sabe de nada. O Major Eduardo de Sousa determinou que todas as equipes policiais realizassem diligências no sentido de capturar o criminoso.

Fonte: Camocim Polícia 24h
Loading...