SIGA NOSSOS CANAIS

Ministério Público pede bloqueio de bens e salário do vereador de Sobral Camilo Motos

Ele é suspeito de praticar rachadinha: ficar com metade do dinheiro de seus assessores na Câmara.

O Ministério Público do Estado do Ceará (MPCE) entrou com uma Ação Civil Pública pedindo o bloqueio dos bens e do salário do vereador de Sobral Camilo Motos. Ele é suspeito de praticar rachadinha, ficar com metade do dinheiro de seus assessores da Câmara.

Segundo o MPCE, o vereador vai ter de devolver R$ 31 mil.

Em tempo

Quem está à frente do ação é o promotor de Justiça Irapuan da Silva Dionísio Júnior.
(Cearanews7)
Loading...