SIGA NOSSOS CANAIS

AGIOTA CONFESSA TER ASSASSINADO PASSAGEIRA DE VEÍCULO DE APLICATIVO POR CAUSA DE UMA DÍVIDA DE R$ 1,5 MIL


Deverá ser transferido nas próximas horas para um presídio do Complexo Penitenciário de Itaitinga, na Região Metropolitana de Fortaleza (RMF), o agiota e homicida Wellington Luís Esteves das Neves, 35, que está preso na carceragem do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), no Bairro de Fátima. Ele confessou ter assassinado a passageira de um veículo de aplicativo. O crime ocorreu na noite da última segunda-feira (22).
A vítima do assassinato foi a jovem identificada como Milena Soares da Silva, 18 anos, que acabou morta com vários tiros no momento em que pagava a corrida em um carro de aplicativo no qual havia embarcado, minutos antes, no Terminal de Passageiros do Antônio Bezerra, na zona Oeste de Fortaleza.
Ao chegar ao seu destino, no bairro Dom Lustosa, a jovem foi atingida com vários tiros disparados à queima-roupa, tendo morte imediata. O motorista do automóvel ficou ferido com um tiro nas nádegas. A Polícia obteve imagens do local do crime e, no dia seguinte, identificou o suspeito. Wellington foi preso em sua casa, no mesmo bairro onde cometeu o assassinato.

Dívida e morte

Na Polícia ele contou que decidiu matar a mulher porque ela estava lhe devendo a quantia de R$ 1.500,00. Milena era do Interior e estava morando há pouco tempo em Fortaleza e trabalhava como vendedora em uma loja de shopping. Após contrair a dívida com o agiota, enfrentava problemas para quitá-la e acabou pagando com a vida.

Fonte: Fernando Ribeiro