SIGA NOSSOS CANAIS

EXECUÇÃO DE ATIVISTA GRANJENSE REPERCUTE NA IMPRENSA


A execução sumária do cabeleireiro e ambientalista Inácio Rocha de Araújo Júnior, 42, o "Jota Cabeleireiro", morto a tiros nesta quarta-feira (28) por um homem encapuzado dentro do salão de beleza do qual era proprietário no Bairro Conjunto Ceará, em Fortaleza, segue repercutindo no estado. O Site G1CE e a TV Verdes Mares veicularam reportagens sobre o fato, lembrando que "Jota", que havia se mudado de Granja para a capital cearense há cerca de cinco meses, foi um dos criadores da personagem Fiorela, uma galinha de plástico que denunciava problemas na gestão pública de Granja. O personagem ficou conhecido em 2018, após uma sessão na Câmara Municipal de Granja ser encerrada por causa da presença da galinha de plástico. Segundo o amigo da vítima e também criador da personagem, David Rodrigues, ele e Inácio Júnior costumavam usar a galinha de plástico como porta-voz de denúncias da população e de problemas na gestão da cidade. “Confiava muito [nele], era praticamente o único que tinha coragem de botar a cara, ir pra rua”, comentou. Os dois viviam em Granja quando a personagem ganhou notoriedade nas redes sociais. E a pergunta segue sem resposta: Quem matou o Jota? Postado por Tadeu Nogueira às 22:08h