SIGA NOSSOS CANAIS

Líderes de facção criminosa começam a ser transferidos para presídios federais


O Governo do Estado confirmou, nesta quarta-feira (25), a transferência de 10 chefes de facção no Ceará para penitenciárias federais. Os detentos seriam responsáveis pelos ataques registrados no Estado desde a última sexta-feira (20). O Ministério da Justiça e Segurança Pública (MJSP) já havia disponibilizado, na terça-feira (24), vagas no Sistema Penitenciário Federal para os internos. Entre domingo (22) e segunda-feira (23), a Secretaria da Administração Penitenciária do Ceará (SAP) transferiu 257 presos como "forma preventiva e tática", mas o destino dos detentos não foi confirmado.