SIGA NOSSOS CANAIS

Nota de Esclarecimento

Segue nota de esclarecimento da Santa Casa de Sobral à respeito da reportagem publicada em seu site, na segunda-feira (30/09). 

Nota de Esclarecimento

A Santa Casa de Misericórdia de Sobral (SCMS) atende uma população de aproximadamente 1,8 milhões de pessoas, oriundas de 55 municípios da região norte do estado do Ceará. O Hospital realiza atendimentos clínico-cirúrgicos básicos, partos de alto risco, além de procedimentos de neurocirurgia, neurorradiologia intervencionista, oncologia, cirurgia, hemodinâmica cardiovascular, terapia intensiva, terapia renal substitutiva e transplante de córneas. Vale ressaltar que o Hospital depende de recursos oriundos do Sistema Única de Saúde (SUS).

A instituição filantrópica esclarece que, atualmente, 636 pessoas estão na fila de espera para a realização de cirurgias ortopédicas pelo SUS, segundo dados do sistema UniSUS, monitorado pela Coordenadoria de Regulação, Avaliação e Controle (CRESUS), uma Central de Regulação Estadual do SUS. A ampla fila se dá em virtude do grande número de pacientes que chegam diariamente ao Hospital com fraturas expostas. Registre-se que tais fraturas são causadas, em sua maioria, em virtude de acidentes de trânsitos ocorridos nas cidades da região norte do estado. Aumentando, assim, o tempo de espera dos pacientes que aguardam por cirurgias eletivas.

Conforme dados do sistema de gestão hospitalar MV 2000, utilizado pela SCMS para administrar as informações geradas em todos os setores do hospital, no ano de 2018 67% das fraturas expostas, que chegaram ao nosocômio, decorreram de acidentes motociclísticos. Essa porcentagem fica ainda maior quando somada aos 5% referentes aos acidentes automobilísticos e 4,2% referente aos acidentes de bicicleta. Assim, 76,2% dos atendimentos aos pacientes traumatológicos tiveram como causa acidentes de trânsito.

Nesta segunda-feira (30/09) foi publicada uma reportagem por veículos de comunicação informando que houve uma cobrança de uma cirurgia de determinado paciente. Em virtude disso, a direção do Hospital esteve reunida, na manhã desta terça-feira, 1° de outubro, com familiares do paciente menor de idade para entender e esclarecer os fatos que foram noticiados. Após a conversa, foi verificado que houve um mal entendido. A instituição ratifica que o Hospital Santa Casa de Misericórdia de Sobral realiza cirurgias apenas pelo Sistema único de Saúde - SUS, não admitindo quaisquer cobranças a pacientes que estejam utilizando os seus serviços.

Registre-se que o caso do paciente foi analisado e encaminhado para o mapa cirúrgico a fim de designarmos data adequada para a cirurgia, sendo respeitada a fila de espera dos pacientes.