25 de jan. de 2020

Influencer 'Pirangay' foi morto após desentendimento com adolescentes; crime não foi premeditado


Um adolescente de 16 anos foi apreendido nesta quinta-feira (23) suspeito de envolvimento na morte

O digital influencer Francisco Gleison de Sousa, de 24 anos, conhecido como "Pirangay", encontrado morto na casa de um amigo na última segunda-feira (20), foi assassinado após um desentendimento da vítima e um amigo com dois adolescentes. A hipótese de crime de homofobia foi descartada pela Polícia Civil do Ceará. As informações foram confirmadas durante uma entrevista coletiva na manhã desta sexta-feira (24). 

De acordo com o delegado João Carlos Machado, do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), os dois adolescentes, Pirangay e o amigo dele,Tasso Lima Mota, estavam conversando dentro de uma residência no Bairro Parangaba quando houve o desentendimento entre eles. 

"Foi meio que um desacordo amoroso entre os quatro. Eles não teriam concordado com o que iria acontecer. Os adolescentes ficaram nervosos e acabaram resolvendo matar os dois indivíduos que estavam na casa", disse o investigador. 
Ainda conforme o delegado, o adolescente de 16 anos aplicou um golpe "mata-leão" em Tasso, e, em seguida, foi para o outro quarto, onde ele e o outro menor de idade enforcaram o digital influencer até a morte. Machado explicou ainda que o crime não foi premeditado.

Pirangay era conhecido por publicar vídeos e fotos em uma rede social com conteúdos humorísticos. Na quinta-feira (23), um adolescente de 16 anos foi apreendido suspeito de envolvimento na morte.

Segundo Tasso, Gleison conheceu os jovens por meio de redes sociais. "Eu não os conhecia. Ele marcou um encontro, nós chegamos em casa e ele falou: 'Vamos pegar os meninos'. Então nós fomos pegá-los no Bairro João XXIII, por volta de 1h ou 2h da manhã, e os trouxemos para minha casa", relata. 

O delegado disse ainda, durante a coletiva, que Tasso chegou a ser considerado suspeito em participar do crime pela comunidade, mas essa hipótese também foi descartada. O policial ainda reforçou que a amigo da vítima sofreu uma tentativa de homicídio. Via DN

Compartilhe essa notícia com seus amigos:

Publicação anterior
Próxima publicação

Destaque

A vítima foi uma mulher identificada por Viviane Carla Bonfim, ela morreu no início da manhã de hoje (28), na avenida principal que dá acess...

Continue lendo