10 de mar. de 2020

Comitê de Assuntos Públicos da Estaca Sobral Brasil promoveu o I Fórum de Liberdade Religiosa na cidade.

Na ocasião cerca de 300 pessoas de diferentes credos se uniram na capela do Junco para ouvir especialistas no assunto, bem como para prestigiar a fala de seus líderes no tocante ao tema do evento.
O fórum contou ainda, além da fala dos palestrantes, com apresentações culturais de vários credos, tais como o Espiritismo, com uma performance de voz e violão; a Umbanda, com uma apresentação de percussão e canto; e A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias, com um coro.
Tiveram a palavra, na ocasião: o professor Alencar Mota, sociólogo e advogado; Chiquinho Silva, coordenador de Direitos Humanos da Prefeitura de Sobral; Pai Beto de Oxosse, do Centro de Umbanda Macaia do Caboclo Pena Verde; Pastor Marcelo, da Igreja Betesda; Pedro Aurélio, do Espiritismo; Pastor Gilberto, da Igreja Adventista do Sétimo Dia; Padre Jocélio Mendes, da Igreja Católica; Mãe Aline de Yemanjá, do Centro de Umbanda Rei Urubatam da Guia; e Ângelo B. Oliveira, presidente da Estaca Sobral Brasil.
O evento torna-se histórico na cidade, dado o seu caráter inédito na região e à força que atingiu, servindo, segundo alguns dos participantes, como inspiração para outros grandes eventos sobre o tema.




Compartilhe essa notícia com seus amigos:

Publicação anterior
Próxima publicação

0 comentários:

Destaque

A vítima foi uma mulher identificada por Viviane Carla Bonfim, ela morreu no início da manhã de hoje (28), na avenida principal que dá acess...

Continue lendo