24 de mar. de 2021

Trio suspeito de homicídio em Cariré tem mandados de prisão cumpridos após a Polícia Civil elucidar crime

A Polícia Civil do Estado do Ceará (PCCE) deu cumprimento, na manhã desta quarta-feira (24), a três mandados de prisão preventiva em desfavor de três suspeitos de homicídio no município de Cariré, na Área Integrada de Segurança 14 (AIS 14). O trio, também investigado por integrar organização criminosa, teve mandados expedidos após a elucidação do crime pelos investigadores da Polícia Civil.

Os trabalhos policiais tiveram início logo após o registro de homicídio em Cariré. De acordo com as investigações, os suspeitos adentraram a residência onde se encontrava um homem de 50 anos e efetuaram disparos de arma de fogo contra ele. O crime ocorreu na madrugada do dia 6 de janeiro de 2021. As investigações indicam que o crime foi motivado por disputa territorial entre coletivos criminais devido à prática de tráfico de drogas.

O trio foi identificado como Antônio Iago Moura do Nascimento, de 28 anos, com passagens por homicídios, porte ilegal de arma de fogo, roubos e tráfico de drogas, Pedro Henrique da Silva Gomes, de 20 anos, que responde por homicídios, porte ilegal de arma de fogo, roubos e tráfico de drogas, e Francisco dos Santos da Silva, o “Quico”, de 22 anos, que possui antecedentes por homicídio, tráfico de drogas, crime contra a administração pública e receptação.

Iago e Pedro Henrique também são alvos de investigação suspeitos atuarem em colaboração em várias ações criminosas na cidade. Com a conclusão das investigações, os suspeitos, que já se encontravam em uma unidade do sistema penitenciário em Sobral, responderão também por homicídio. Após a conclusão do inquérito policial, o trio será posto à disposição da Justiça.

Denúncias

A população pode contribuir com as investigações repassando informações que auxiliem os trabalhos policiais. As denúncias podem ser feitas para o número 181, o Disque-Denúncia da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), ou para o (88) 3102-1285/1286, da Delegacia Regional de Sobral. O sigilo e o anonimato são garantidos.

Não esqueça de compartilhar essa notícia!

Publicação anterior
Próxima publicação

0 comentários: