5 de mai. de 2021

Jovem que matou duas mulheres e três crianças em creche era recluso, sofria bullying e maltratava animais


O jovem de 18 anos que matou cinco pessoas nesta terça - três crianças com menos de 2 anos de idade, a professora Keli Adriane Aniecevski, de 30 anos, e a agente educativa Mirla Renner, 20 (fotos) - em uma creche em Saudades, em Santa Catarina, foi identificado como Fabiano Kipper Mai.

Segundo o delegado Jerônimo Marçal, ele buscou entrar em todas as salas da escola infantil, mas as educadoras, ao ouvirem os gritos, já haviam trancado as portas. O rapaz, que tentou suicídio após cometer os crimes usando uma faca, acabou socorrido e levado a um hospital, onde passa por cirurgia. "Ele vinha maltratando animais, era muito introspectivo.

Aquele perfil de jovem que se tranca no quarto e ninguém sabe o que está fazendo. Gostava de jogos on-line, inclusive com violência", detalhou o delegado. Fabiano, que não possuía antecedentes criminais, também teria sofrido bullying no ensino médio.

Fonte: IG Revista Veja


Não esqueça de compartilhar essa notícia!

Publicação anterior
Próxima publicação

0 comentários: