1 de jun. de 2021

Bolsonaro recua e deixa CBF decidir sobre copa América do Brasil


Após repercussão negativa, o presidente @jairmessiasbolsonaro recuou e passou a bola para a @cbf_futebol decidir sobre a recepção, ou não, da Copa América deste ano em território nacional. Bolsonaro reafirmou, há pouco à imprensa, que o evento é privado e que a confederação de futebol é o órgão responsável por negociar com @conmebol e estados. 

Luiz Eduardo Ramos, ministro-chefe da Casa Civil, detalhou que a competição, se realmente ocorrer, será realizada sem público e com até 65 pessoas por delegação de cada país — cada time trará 23 jogadores. Para defender o @governodobrasil sobre a decisão tomada anteriormente, Ramos também aproveitou para criticar as pessoas contrárias à realização do torneio no Brasil. Ramos afirmou que “estão ocorrendo jogos em todo Brasil” e que os campeonatos estaduais acabaram na semana passada. 

Via Revista Ceará. 

Não esqueça de compartilhar essa notícia!

Publicação anterior
Próxima publicação

0 comentários: