6 de jul. de 2021

Ceará é o estado com maior redução na na média móvel de óbitos por Covid-19 no Brasil em duas semanas


O Ceará registrou a maior redução na média móvel de óbitos por Covid-19 com relação há duas semanas entre os estados do Brasil. Conforme dados do consórcio de veículos de imprensa, o índice foi de 44 mortes no último domingo, 4. No dia 21 de junho foram 100 mortes. O que representa uma redução de 56%.

A média móvel é obtida calculando a média do indicador — no caso, óbitos — dos últimos sete dias. Para obter a variação, é preciso calcular a variação percentual das médias móveis em um intervalo de 14 dias.

A segunda maior variação foi do Paraná, onde a média móvel de mortes pela infecção sofreu queda de 260 para 139. Uma variação de 47%. Em seguida, a Paraíba reduziu a média de 36 para 21. O que representa queda de 42%.

São Paulo, Estado com maior número acumulado de mortes por Covid-19, reduziu a média de 578 para 508 no período (12%). Rio de Janeiro, segundo nessa lista, teve queda de 179 para 121 (32%) em 14 dias.

Desde o registro dos primeiros casos, há quase um ano e quatro meses, o Ceará soma 893.270 casos confirmados de Covid-19 e 22.753 mortes pela doença. Os dados são do IntegraSUS, plataforma da Secretaria da Saúde do Estado (Sesa), atualizada às 9h14min de ontem, 5. Foram registrados 572 casos e 10 óbitos em decorrência da infecção em relação à última atualização desse domingo.

Ainda de acordo com a plataforma, nenhum dos óbitos inseridos ocorreu nas 24 horas antes da atualização. Devido ao atraso que ocorre para que mortes mais recentes entrem no sistema, porém, vítimas da Covid-19 que faleceram no mesmo período podem ser registradas posteriormente.

Além da redução sustentada de casos e óbitos nas últimas semanas, o Ceará tem diminuído outros indicadores epidemiológicos da pandemia. A taxa de ocupação de Unidades de Terapia Intensiva (UTIs) é de 66,7%. No caso das enfermarias, ocupação é de 38,49%. Nos últimos dias, Estado tem mantido a menor proporção de leitos preenchidos desde janeiro deste ano.

Apesar da redução, 48 pacientes ainda aguardam por leito, conforme atualização do acompanhamento da regulação estadual no IntegraSUS feita às 19h07min de ontem. Desse total, 35 esperam por enfermaria e 13 por UTI.

Segundo o consórcio de veículos de imprensa a partir de dados das secretarias estaduais de Saúde, média móvel registrada no Brasil no domingo foi de 1.562 óbitos. Quatorze dias antes, essa média era de 2.052. Com isso, houve variação negativa de 24% no indicador.

O total de vítimas da pandemia no País chegou nessa segunda-feira a 525.229. O número de casos da doença chegou a 18.792.076. Segundo o Ministério da Saúde, o Brasil tem 17.151.673 pessoas recuperadas da covid-19 e 1.115.726 em acompanhamento médico.

Não esqueça de compartilhar essa notícia!

Publicação anterior
Próxima publicação

0 comentários: