1 de set. de 2021

Investigado por invasão a site do STF é preso pela Polícia Federal em Fortaleza


A Polícia Federal (PF) prendeu nesta terça-feira (31), em Fortaleza, um homem envolvido na invasão cibernética ao site do Supremo Tribunal Federal (STF). Ele não teve a identidade revelada.

A prisão faz parte da Operação Leet, deflagrada no último dia 11, quando também foram cumpridos mandados de busca e apreensão no Ceará e no estado do Rio de Janeiro.

Ele responderá pelos crimes previstos nos artigos 154-A, §3º e 288, do Código Penal, com penas que podem chegar a cinco anos de reclusão.

OUTROS CRIMES

Além de confirmar sua participação nos ataques ao STF, a PF identificou que o investigado praticava crimes cibernéticos contra instituições públicas e privadas de forma rotineira.

Em 2020, o mesmo homem já havia sido alvo da Polícia Federal na operação "Capture The Flag", que investigou a invasão de bancos de dados de órgãos públicos e a divulgação das informações obtidas ilicitamente na internet.

Não esqueça de compartilhar essa notícia!

Publicação anterior
Próxima publicação

0 comentários: