30 de nov. de 2021

Pai enfermeiro participa de parto humanizado do filho na Santa Casa de Sobral


O casal de enfermeiros Ruth Brandão e Allyson Mendes aguardavam com alegria e entusiasmo a chegada do pequeno Miguel Tobias. O momento tão esperado aconteceu na segunda-feira (15/11) no Centro de Parto Normal (CPN) da Santa Casa de Misericórdia de Sobral, quando com a ajuda da equipe multiprofissional, o pequeno veio ao mundo, e o pai foi convidado pela equipe à participar ativamente do parto humanizado, segurando seu filho e cortando o cordão umbilical.  Na ocasião, uma árvore da vida – confeccionada com a placenta e tinta guache – também foi entregue ao casal como forma de lembrança pelo momento ímpar.

Ruth escolheu a posição de parir – sentada - método que humaniza o parto. Segundo a coordenadora de Enfermagem da Maternidade Sant’Ana da Santa Casa, Andrezza Gomes, é comum ver as mulheres deitadas nesse momento, mas as posições de cócoras, sentada ou de joelhos são melhores para facilitar a saída do bebê. “E além de deixar a mulher decidir, ter o apoio de uma equipe multiprofissional capacitada faz toda a diferença na hora de um parto humanizado. Nesse caso em especial, o pai, que é enfermeiro, também foi orientado e conseguiu participar ativamente do parto, segurando o bebê ao nascer e cortando o cordão umbilical”, explica.

Em carta enviada ao Serviço de Ouvidoria do hospital, Allyson Mendes agradeceu o acolhimento e a assistência humanizada prestada por toda a equipe do Serviço na hora mais aguardada dos últimos nove meses, e reconheceu o empenho da direção-geral da instituição em proporcionar melhorias para um atendimento de qualidade à população de Sobral e região. “A equipe do CPN nos mostrou o quanto a Santa Casa evoluiu e vem ressignificando a humanização no cuidado materno infantil nestes últimos anos”, destaca um trecho da carta que emitia gratidão e alegria. 



Não esqueça de compartilhar essa notícia!

Publicação anterior
Próxima publicação

0 comentários: