9 de fev. de 2022

Produtores de Sobral são orientados a regularizar a vacinação contra a febre aftosa




Equipes da Secretaria do Trabalho e Desenvolvimento Econômico (STDE) e a Agência de Defesa Agropecuária do Ceará (Adagri) têm visitado, desde o início deste mês, produtores que ainda não vacinaram seus animais contra a febre aftosa em Sobral. Além da febre, a doença leva a sintomas como lesões nas patas e na boca de bovinos, suínos e caprinos, comprometendo a saúde dos animais e o desempenho produtivo dos rebanhos.

Até agora, as visitas, que ocorrem sem multa, até o dia 2 de março, foram feitas nos distritos de Patos e Aracatiaçu e obedecem à lei estadual nº 17.805 de 2021. Para alterar o status de inadimplente, os criadores de bovinos e bubalinos (búfalos) preenchem uma ficha de regularização cadastral, atualizando os dados da propriedade.

Além disso, para os produtores que ainda não compraram o imunizante é dada uma autorização para a aquisição da vacina, que deve ser declarada posteriormente. Para os produtores que devem apenas a declaração é necessária a apresentação do comprovante da compra da vacina para a realização da declaração. Segundo a comissão técnica responsável pelas visitas, “também é possível realizar a regularização cadastral na sede da Adagri ou da STDE, por meio do Escritório de Atendimento à Comunidade, da Coordenadoria de Sanidade Animal.

Por Marcelino Jr / Sistema Paraíso

Não esqueça de compartilhar essa notícia!

Publicação anterior
Próxima publicação

0 comentários: