16 de fev. de 2022

Americana é declarada primeira mulher curada do HIV após novo tratamento




Uma mulher norte-americana foi a terceira pessoa do mundo, até o momento, a ser curada do HIV. O anúncio foi feito nessa terça-feira, 15, na Conference on Retroviruses and Opportunisitic Infections de Denver, EUA. A paciente, que também tem leucemia, fez um tratamento no qual recebeu um transplante de células-tronco de um doador que era geneticamente resistente ao vírus que causa a AIDS.

Não esqueça de compartilhar essa notícia!

Publicação anterior
Próxima publicação

0 comentários: